Uma vez que este blog trata, principalmente, de cidades, Setúbal tem um destaque especial pois é a minha cidade!

Setúbal faz parte do Clube das Mais Belas Baías do Mundo, enquadrada na lindíssima Serra da Arrábida, sendo um excelente local para os amantes da natureza que podem apreciar a  biodiversidade existente no Estuário do Sado e no Parque Natural da Arrábida. Contornada pelo Rio Sado, que nos leva até à Península de Tróia, sendo, muitas vezes, acompanhados pela comunidade de Golfinhos Roazes que aí habita.

Bem, falar de Setúbal, em termos de acessibilidades, ao contrário do que eu pensava, não é assim tão fácil! Porque reparo, agora, que faço tudo de carro. Vou quase sempre aos mesmos sítios, e, como já conheço os “truques”, fujo, inconscientemente, de locais menos acessíveis para mim.

O dia-a-dia faz-se casa-trabalho, trabalho-casa. O desporto, ténis adaptado, por agora em standby, é à porta de casa, basta descer o elevador. O lazer é quase sempre nos mesmos locais, e as compras, que não as de supermercado, confesso que, muitas vezes, não as faço por aqui. Bem, essa realidade começa a mudar e agora já existem algumas condições de as começar a fazer por cá.

Falar de acessibilidade, para pessoas com mobilidade reduzida, em Setúbal, torna-se, agora, mais fácil. Muito se tem feito nos últimos anos. E muito se está a fazer hoje. No centro da cidade os passeios foram rebaixados, existem vários locais de estacionamento próprios e, como é uma zona plana não é muito difícil percorrê-la.

A maior parte dos edifícios públicos e culturais da cidade estão, neste momento, quase todos, acessíveis e equipados com casas de banho adaptadas. Temos, por exemplo, a Casa da Baía e a Casa da Cultura, dois espaços muito agradáveis e completamente acessíveis, entre outros que irei descrever mais em pormenor nos roteiros de Setúbal que publicarei.

Não poderei falar de Setúbal, sem falar da maravilhosa Serra da Arrábida, onde se encontram algumas das praias mais bonitas do país. Vir a Setúbal implica, obrigatoriamente, um passeio pela Serra e, se for verão, aproveitar para dar um mergulho na praia da Figueirinha que tem todas as condições para pessoas com mobilidade reduzida: estacionamento, casas de banho e cadeira anfíbia para ir à água. O único senão, pelo menos para mim, a “tia friozinho” como me chamam as minhas sobrinhas, é a temperatura da água.

A caminho da Serra pode optar-se por uma passagem pela pitoresca Vila de Azeitão, apreciar as suas bonitas quintas e caves e provar os deliciosos produtos regionais: queijo e os, famosos, “esses” e tortas de Azeitão. Ah, claro, acompanhados de um Moscatel de Setúbal!

Por muitas voltas que dê, o regresso a Setúbal é, sempre, um momento de aconchego. É o meu porto seguro! Por muitas voltas que dê, não consigo deixar de achar Setúbal um dos lugares mais bonitos que já conheci!

Setúbal? JustGo!

Setúbal
Setúbal | Castelo S. Filipe
Setúbal | Praia da Saúde
Setúbal | Praia da Saúde
Setúbal | Praia da Saúde
Setúbal | Praça do Bocage
Setúbal | Praia da Saúde
Setúbal | Azeitão
Setúbal | Serra da Arrábida
Setúbal | Palácio da Comenda
Author

2 Comments

  1. Olá Sofia,
    Por acaso estou a dever a Setúbal uma visita, espero que aconteça em breve. Escrevo para desejar toda a sorte do mundo para este lindo projeto, com toda a certeza muito útil para todos, incluindo quem tem mobilidade reduzida. Um beijo enorme e força para o justGo!

    • Sofia Reply

      Olá Filipe,
      Obrigada pela força. Espero acima de tudo que seja útil.
      Quanto a Setúbal acho que deves vir, pois é uma cidade com muito para ver e apreciar!
      Beijinhos

Write A Comment

error: Content is protected !!